Quem somos?

A Seção de Formação Avançada e Programa de Bolsas – SEFAB - é a unidade responsável pela gestão dos programas de concessão de Bolsas de Pós-Graduação e de Línguas Estrangeiras, além da gestão do Adicional de Qualificação – Treinamento, Graduação e Pós-Graduação. Outras atividades são realizadas periodicamente, como a Mostra Anual de Painéis, a Revista Científica do Tribunal, Concursos de Artigos e Monografia e Estudos e Pesquisas de interesse do STJ.

Os clientes da SEFOR são todos os servidores do tribunal que podem usufruir dos serviços acima listados. Para a solicitação de Adicional de Qualificação ou bolsas de pós-graduação ou de idiomas, os processos são instruídos pelo SEI.

O Adicional de Qualificação é a retribuição devida ao servidor, pela realização de cursos de treinamento/aperfeiçoamento ou de pós-graduação (especialização, mestrado ou doutorado). Saiba tudo sobre o Adicional de Qualificação clicando aqui. O Portal do Servidor também apresenta um espelho detalhado sobre os percentuais de qualificação por ações de treinamento do servidor. Acesse aqui as suas informações.

Bolsas de Pós-Graduação

Bolsas de Idiomas

Programas e Projetos

Programa de Bolsa de Pós-Graduação

O Programa de Bolsas de Pós-graduação, regido pela Instrução Normativa STJ/GDG n. 18 de 2 de setembro de 2019, visa incentivar a capacitação em elevados níveis técnicos dos seus servidores por meio do reembolso de valores custeados em cursos de pós-graduação lato (especialização) e stricto sensu (mestrado e doutorado).

O Superior Tribunal de Justiça oferta bolsas de pós-graduação desde 2005, tendo em 2015 inovado e ofertado, além da modalidade lato sensu, a modalidade stricto sensu. Acompanhe a página do Programa de Bolsas aqui.

Estudos estão sendo realizados para a oferta, pelo próprio Tribunal, de curso de pós-graduação, de modo a atender de modo mais eficaz às necessidades do Tribunal.

Programa de Bolsa de Idiomas

O Programa de Bolsas de Língua Estrangeira, disciplinado pela Instrução Normativa STJ/GP n. 15 de 18 de setembro de 2020, visa incentivar a capacitação em elevados níveis técnicos dos seus servidores por meio do reembolso de valores pagos em cursos de língua estrangeira os idiomas inglês, espanhol, italiano, francês e alemão.

O Superior Tribunal de Justiça lançou o programa em 2018. Saiba tudo sobre o programa clicando aqui.